Vitrine Esportiva

Fogão sobe na classificação

Foto: Vitor Silva / BFR

Fogão vence o Vila e fica perto dos quatro que sobem.

O Botafogo conquistou mais três pontos e com isso fica a um ponto do grupo que sobe para a primeirona. O time carioca conquistou a vitória em casa pelo placar de 3 a 2.

Um início avassalador. Com três minutos o alvi-negro carioca abriu o placar com uma cabeçada de Chay. Mas a arbitragem deu contra do goleiro, sendo que no intervalo foi decidido o gol ficar para o atacante. 17 minutos depois Rafael Navarro marcou e pôs o Botafogo na tranquilidade. O time seguiu na pressão. Isso diminuiu a partir dos 30 minutos e o primeiro lance do Vila Nova foi aos 48 minutos com Dudu chutando de longe e o mesmo acontecendo com Alan Grafite. 

Na segunda etapa o Vila Nova teve uma suave melhoria com duas conclusões no início, mas o jogo voltou ao padrão do primeiro tempo, e aos 12 Donato é derrubado dentro da área e o juiz marca a penalidade que Diego Gonçalves marca e tranquiliza mais ainda o time do técnico Enderson Moreira. Porém aos 19, numa decida do Vila, um cruzamento, após furada da defesa, Clayton diminui para o visitante. Teve um lance que o árbitro foi consultar o VAR, querendo saber se teve toque de mão na área dos visitantes, mas não marcou nada. Nos acréscimos o Vila marcou mais um com Rafael Donato. E aos 50 o Vila Nova acertou a trave duas vezes e por pouco não empatou. Mas o Fogão conquistou a vitória.

Com o resultado, o Bota salta para quinta colocação da segundona, com 32 pontos, ficando a um de distância do G4 da competição. O próximo desafio do Glorioso será na próxima sexta-feira, contra o Coritiba, no Couto Pereira, às 21h30.

Outras Notícias

Um empate que pode atrapalhar

O Flamengo empatou com o Cuiabá no Maracanã e isso fez com que a chance dele alcançar o líder Atlético Mineiro diminuísse.

Flu vence com o gol contra

As vitórias voltaram. O Fluminense venceu o Athlético Paranaense por um a zero e subiu uma colocação na tabela O primeiro tempo

Verdão vence numa penalidade

O Palmeiras conquistou a sua vitória pelo placar de um a zero numa penalisdade máxima cobrada por Raphael Veiga. Uma boa marcação