Rússia é banida por dopping por 4 anos O país não participará dos Jogos Olímpicos de Tóquio 2020

O estandarte olímpico ao lado da bandeira da Rússia (Adrian Dennis/AFP)

A Agência Mundial Antidoping (Wada) excluiu a Rússia de todas competições internacionais por quatro anos. O país não participará dos Jogos Olímpicos Tóquio 2020 e nem Jogos de Inverno Pequim 2022, assim como de Mundiais de todas as modalidades, o que inclui a Copa do Catar 2022. A punição é consequência da falsificação de dados coletados pelo laboratório antidoping de Moscou que foram entregues à entidade.

Apesar do pedido da Comissão de Atletas da Wada para que os russos fossem banidos de maneira integral, a entidade decidiu por conceder aos atletas o direito de provar que não estavam envolvidos no esquema de doping e, caso tenham a “inocência” comprovada, possam competir sob bandeira neutra.

Dra. Luciana Lopes/ Crédito: Tatiana Máximo

Dra. Luciana Lopes/Crédito: Tatiana Máximo

A advogada desportiva Luciana Lopes encara a decisão de possibilitar a participação dos que não se envolveram no esquema como positiva, mas ressalta que acredita que os custos da comprovação exigida pela Wada devem ser cobertos pelo Comitê Russo.

mm

Repórter: Kenia Telles

Jornalista

Leave a Comment