Vitrine Esportiva

Vasco vence na estreia de Lisca

ESTREIA COM GOLEADA! Na primeira partida de Lisca como novo treinador do Vasco dfa Gama, o Cruzmaltino não foi brilhante, mas fez um bom jogo e atropelou o Guarani em Sâo Januário, em jogo válido pela 14ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro: 4 a 1 para o Vascão. Gols de Marquinhos Gabriel, Germán Cano (pênalti), Bruno Silva (contra) e Léo Jabá. Lucão descontou para o Bugre.

O JOGO

Aos oito minutos, o Vasco abriu o placar com Marquinhos Gabriel. Após bola alçada para a área do Guarani, Bruno Gomes resvalou e a redonda sobrou limpa para o camisa 31 do Vasco da Gama, que cara a cara com o goleiro Gabriel Mesquita, só teve o trabalho de deslocar o arqueiro do Bugre para dar números inicias ao jogo.

Aos 12 minutos, quase que o Guarani empatou a partida. Regis cobrou falta com perfeição no ângulo direito de Vanderlei, que fez uma defesa de cinema para evitar o gol que igualaria o placar de São Januário. Melhor no jogo, o Vasco respondeu aos 15 com Ernando, que recebeu cruzamento da direita e de cabeça, quase ampliou. Bola para fora.

Aos 20, o Guarani aumentou o seu volume de presença no campo de ataque e assustou Vanderlei, com um chute forte de Régis, que resultou em escanteio para o time visitante. Aos 23, nova chegada, agora pela esquerda. Matheus Bidu tentou jogada individual e chutou forte contra o gol do goleiro do Vasco, que mandou mais uma vez pela linha de fundo.

No momento que o Guarani vinha crescendo no jogo, Thales acabou derrubando Léo Jabá na área. Pênalti para o Vasco, que Germán Cano não desperdiçou e aumentou a vantagem vascaína no placar, aos 28 minutos da etapa inicial. 2 a 0 Vasco.

O segundo tempo começou morno, bem diferente de como terminou a primeira etapa. Frio, como a temperatura que estava no bairro de São Cristóvão na hora que começou a partida, o a etapa complementar foi de muita disputa e pouca ação. O técnico Daniel Paulista, afim de dar mais criatividade ao seu meio campo, sacou Matheus Souza e colocou Andrigo, mas pouco mudou a postura do Bugre.

Partindo para o tudo ou nada, Daniel Paulista trocou o zagueiro Titi pelo atacante Lucão, mas logo depois, aos 23 minutos do segundo tempo, Bruno Silva tentou cortar cruzamento vindo da direita e fez gol contra, ampliando a vantagem do Vasco.

Com o jogo já entrando na sua reta final, o Guarani descontou aos 39 minutos com Lucão, que aproveitou bem o escanteio cobrado pela direita e marcou o gol de honra do time verde e branco.

Mas o Vasco ainda estava com apetite para mais. Léo Matos recebeu ótima bola no comando de ataque, avançou e cara a cara com Gabriel Mesquita, deu números finais a partida.

Na próxima rodada, o Vasco da Gama vai ao Nilton Santos fazer o clássico contra o Botafogo, enquanto o Guarani, vai enfrentar o Vila Nova.

VASCO 4 x 1 GUARANI

VASCO: Vanderlei; Léo Matos, Ernando, Leandro Castan e Zeca; Bruno Gomes (Juninho) e Matías Galarza; Léo Jabá, Marquinhos Gabriel (Sarrafiore) e Gabriel Pec (Arthur); Germán Cano (Daniel Amorim). Técnico: Lisca.

GUARANI: Gabriel Mesquita; Pablo, Thales, Tití (Lucão do Break) e Bidu; Bruno Silva e Rodrigo Andrade; Bruno Sávio (Índio), Régis e Matheus Souza (Andrigo); Davó (Renanzinho). Técnico: Daniel Paulista.

Outras Notícias