Vitrine Esportiva

Vasco perde e tem confusão

Uma derrota que causa um início de preocupação em São Januário. O Vasco perdeu para o Goiás e com isso fica na parte debaixo da tabela. Por apenas um gol e atuando melhor na segunda etapa, a equipe carioca não conseguiu conquistar ponto algum na casa do adversário sendo que no início já teve um jogador a menos.

O Goiás teve a primeira oportunidade aos quatro minutos com Alef Manga chutando de longe e  Vanderlei defende. Não deu tempo de aquecer e no minutos seguinte Bruno Gomes dá um pisão no tornozelo do goiano e é expulso. Jogo ficou morno até os 33 minutos quando Reynaldo cruza e Elvis dá uma cabeçada obrigando Vanderlei a realizar a difícil defesa. Depois de cinco minutinhos, Andrey cobra falta mas tem um bloqueio e na volta, Galarza chuta e o goleiro segura a bola. No último minuto, Luan Dias finaliza mal.

Dois lances seguidos na segunda etapa, aos 16 Albano recebe da um belo chute e Vanderlei espalma. No minuto seguinte o Goiás perde outra oportunidade com Alef Manga dentro da área e sozinho chuta pra fora. Os donos da casa jogam melhor, perdendo mais oportunidades, sendo que na segunda etapa o Vasco estava melhor com mais tempo com a bola, porém restando a finalização. Restando dez minutos para terminar e o Goiás abre o placar. Miguel Figueira chuta de longe, a bola bate na trave e na volta Everton Brito sozinho marca. Aos 40 Vanderlei salva o Vasco de sofrer o segundo com Bruno Mezenga chutando e não consegue seu gol com Vanderlei atrapalhando o seu caminho e ele chutando pra fora. Quando o árbitro apitou o encerramento do jogo, uma confusão.

Goiás: Tadeu; Apodi, David Duarte, Reynaldo e Hugo; Caio Vinícius, Breno (Everton Brito), Luan Dias (Albano) e Élvis (Miguel Figueira); Alef Manga (Dadá Belmonte) e Bruno Mezenga. Técnico: Pintado

Vasco: Vanderlei, Léo Matos, Ernando, Leandro Castan e MT; Andrey (João Pedro), Bruno Gomes, Galarza (Michel) e Sarrafiore (Léo Jabá); Morato (Gabriel Pec) e Germán Cano (Daniel Amorim). Técnico: Marcelo Cabo.

 

Fotos: Elber Gomes / AGIF

Outras Notícias

Tudo igual na Arena da Baixada!

Uma bela partida de jogo de ida na semifinal da Copa do Brasil. Em partida realizada no Paraná, o Flamengo empatou com

Botafogo vence em casa por 3 a 0

Depois do empate dramático contra o Cruzeiro, o Botafogo voltou a jogar na noite desta quarta-feira, no Nilton Santos, contra o Brusque,