Vitrine Esportiva

Brasil vence Chile e está classificado

A classificação veio. Num jogo equilibrado e a Seleção Brasileira conseguiu a classificação pelo placar de um a zero, tendo sofrido, principalmente depois que Gabriel Jesus deixou o Brasil com menos um.

O primeiro belo lance da partida foi chilena, com Vegas chutando de muito longe e Ederson defende com tranquilidade. O Brasil aos 14 minutos Richarlison vai pela esquerda, dribla Sierralta e chuta, defesa do goleiro brasileiro. Quatro minutos depois teve devolução com Vargas encobrindo Ederson, mas a bola vai pra fora, dando um susto em Tite. O Brasil devolve dois minutos com Neymar cruzando para Firmino, que não tem um belo chute e a bola vai pra fora, devido a canelada. Um belo jogo e ocorre mais um susto para o Brasil, com 25 Vargas joga pra cima de Thiago Silva e finaliza, Ederson salva e manda pra escanteio. Duas oportunidades antes do intervalo. A primeira com Neymar aos 36 e Gabriel Jesus seis minutos depois. Duas finalizações com desvios para escanteio.

Começa o segundo tempo e no primeiro ataque, no primeiro minuto e Lucas Paquetá na entrada da área, toca para Neymar, ele devolve e o ex-rubro-negro abre o placar. Brasil na frente no placar e Gabriel Jesus perde a noção aos quatro e levanta a perna e acerta o rosto de Mena e é expulso. Brasil com menos um. O Chile marcou um gol mas estava impedido e sem reclamar. Neymar passa por dois e finaliza e Claudio Bravo defende. O susto brasileiro veio aos 23, Brereton na área brasileira, cabeceia e a redonda bate no travessão. O placar segue com Neymar, mesmo numa bela jogada, toca para Danilo que manda um balaço e o arqueiro chileno defende com tranquilidade.

O Brasil leva um sufoco pela sua lateral esquerda e após cruzamento, Vargas com mais um chute e o goleiro espalma para escanteio.

Brasil: Ederson; Danilo, Marquinhos, Thiago Silva e Renan Lodi (Éder Militão, aos 45/2ºT); Fred e Casemiro; Gabriel Jesus, Neymar, Roberto Firmino (Lucas Paquetá, no intervalo) e Richarlison (Éverton Cebolinha, aos 45/2ºT). Técnico: Tite.

Chile: Bravo; Isla, Gary Medel, Sebastián Vegas (Palacios, aos 18/2ºT), Sierralta e Mena; Erick Pulgar (Meneses, aos 30/2ºT), Aránguiz (Valencia, aos 43/2ºT) e Arturo Vidal; Eduardo Vargas e Alexis Sánchez (Ben Brereton, no intervalo). Técnico: Martin Lasarte.

Foto matéria: Buda Mendes/Getty Images.

Foto principal: Lucas Figueiredo / CBF

Outras Notícias

Flamengo é eliminado no Maracanã.

Um resultado inesperado no Maracanã. O Flamengo, pela semifinal da Copa do Brasil, perdeu para o Athlético Paranaense pelo placar de dois

Santos vence o Flu na Vila

Jogando na Vila Belmiro, o Santos venceu por 2 a 0 com gols de Madson e Diego Tardelli. Resultado importantíssimo para o