Rennes lidera com folga na França O time do levantador Thiaguinho busca vaga nas oitavas de final na Challenge Cup

Foto: Christian Peoc´h

Foto: Christian Peoc´h

Líder do campeonato francês masculino de vôlei, com 28 pontos, e com dez vitórias consecutivas, o Rennes tem hoje uma confortável vantagem sobre o segundo colocado. O time do levantador Thiaguinho soma seis pontos a mais que o Tours, atual campeão, com 22 pontos na classificação geral. Nantes, décimo colocado, será o próximo adversário do Rennes neste sábado, dia 14.

Ao mesmo tempo, o Rennes disputa também a Challenge Cup 2020, uma das maiores competições entre clubes da Europa. A equipe estreou na última quarta-feira, dia 11, contra o Schönenwerd, da Suíça, e ganhou por 3 sets a  0. O jogo de volta acontecerá no próximo dia 18. Uma nova vitória colocará o Rennes nas oitavas de final da competição. Nessa fase, o adversário será o vencedor do confronto entre Padgorica, de Montenegro, e VKP Spu Nitra, da Eslováquia. O atual campeão é o Belogorie Belgorod, da Rússia.

“O time está bem, confiante, são dez vitórias seguidas. Se a gente conseguir manter essa confiança na Challenge Cup e no segundo turno do francês vai ser muito bom. Temos hoje essa vantagem de seis pontos, mas que, na verdade, não significa nada. Significa só que a nossa equipe está jogando bem e será muito bom se terminarmos em primeiro lugar por causa do cruzamento mais à frente”, analisou Thiaguinho. 

Em sua história, o Rennes jamais levantou o troféu de campeão do francês. Venceu a Copa da França uma vez. “Podemos fazer história aqui. Além do campeonato nacional, temos pela frente a Challenge Cup para buscarmos o título”, concluiu Thiaguinho, que tem acompanhado os resultados da Superliga 2019/2020, em especial, a do seu ex-clube, o Sesc-RJ.

“Não assisto aos jogos, mas tenho acompanhado. Vi que perderam duas partidas na Superliga, ainda estão se entrosando, mas acredito que tenham muitas chances mesmo”. Sobre o relacionamento com os torcedores do Rennes, Thiaguinho comentou: “A relação com os torcedores é muito boa aqui. Sempre após os jogos a torcida desce da arquibancada e vem na quadra para conversar com a gente, alguns viajam para assistir nossos jogos fora. Não é um público fanático, mas é sempre presente, nos apoiando e ajudando.”

mm

Repórter: Kenia Telles

Jornalista

Leave a Comment