Altinho patrimônio cultural e imaterial do Rio de Janeiro A prática da atividade causou muitas polêmicas em torno do uso do espaço público

O verão começa em 22 de dezembro, e hoje foi aprovado o Projeto de Lei, de autoria do vereador Felipe Michel, que torna o Altinho (ou altinha) patrimônio cultural imaterial do Rio de Janeiro. Altinha é um jogo praticado à beira-mar que reúne meninos e meninas, adultos e crianças. Como é preciso apenas uma bola de futebol, e no mínimo duas pessoas para a brincadeira começar, rapidamente a roda se forma. Esta modalidade esportiva com a marca do carioca que mais cresce no Rio de Janeiro.

Divulgação

Divulgação

Foi nas areias da praia de Ipanema que surgiu o esporte um mix de vôlei e futebol e os jogadores de ajudam para não deixar a bola cair, se posicionam em círculo e não possui rede. É preciso manter a bola (que é de futebol) sempre ao alto (daí o nome do esporte). Vale qualquer movimento, como chutes, joelhadas e cabeçadas, só não pode tocar a bola com as mãos. A criatividade rola solta para se esforçar em não deixar a bola cair e não há uma competição entre os jogadores e sim um espírito cooperativo.

Em relação à saúde, sabemos que praticar esportes, proporciona diversos benefícios para o corpo humano, afinal, é preciso estar em constante atividade para que o nosso organismo funcione de maneira correta. No caso da altinha, além de atiçar a criatividade, desenvolver o espírito esportivo, melhorar a comunicação com as pessoas e trabalhar o dinamismo.

Há relatos que as primeiras rodinhas de praia deste jogo, foram proibidas pela polícia durante o Regime Militar. 

As praias cariocas têm ficados lotadas de praticantes por esse esporte que tem despontado como uma das mais saudáveis e democráticas.

mm

Repórter: Kenia Telles

Jornalista

Leave a Comment