Empate complicado na Ilha do Retiro Time de São Januário ficou no 1 a 1 com o Sport fora de casa

Foto: Carlos Gregório Jr/ Vasco.com.br

Complicado. Vasco empatou em 1 a 1 com o Sport na Ilha do Retiro. Com isso o time de São Januário está em nono lugar com 32 pontos. Destaques para Nenê, do Vasco, e André, do Sport.

A partida começou com o Sport pressionando o Vasco. A 1 minuto, Breno tentou proteger a chegada da bola, porém o goleiro vascaíno chutou para quebrar a jogada. O time do técnico Wanderlei Luxemburgo não desistiu de estufar a rede adversária. Aos 3 minutos, Rogério recebeu, fez o cruzamento e Martín Silva deu um soco na pelota. O time do técnico Zé Ricardo não ficou abalado e respondeu no mesmo tom. Aos 5 minutos, Nenê deu um bico de longe e a bola saiu do campo. O rubro-negro do Recife persistiu e perdeu outra chance de ficar na frente no marcador. Aos 6 minutos, André de carrinho dentro da grande área esticou, contudo saiu pela linha de fundo. O Leão procurou esticar a rede adversária e perdeu. Aos 14 minutos, André finalizou de primeira, contudo foi por cima do travessão. Após um puxa daqui e acolá, o árbitro deu amarelo para Wellington e Diego Souza. Entretanto, Diego reclamou da decisão do árbitro e levou o cartão vermelho. Com um a menos para o Sport, o time de São Januário aproveitou enquanto pôde. O time do Sport buscou balançar a rede vascaína e não deu. Aos 26 minutos, André deu um bico que a bola saiu do campo. Mesmo sofrendo os ataques, o Gigante conseguiu marcar o gol. Aos 38 minutos, Nenê estufou a rede do goleiro Magrão dentro da grande área, após passe de Pikachu. O Vasco aproveitou o gol feito e resolveu fazer uma substituição: saiu Jean e entrou Andrey. O time do Wanderlei foi buscar o gol de empate. Não deu. Aos 45 minutos, Mena bateu falta na entrada da grande área, e a pelota saiu.

No retorno para o segundo tempo, o Vasco foi com tudo para cima do Sport, com um jogador a menos. Aos 3 minutos, Nenê cobrou escanteio, Anderson Martins finalizou, de cabeça, e o goleiro Magrão defendeu. O jogo estava rolando quando um torcedor do Sport jogou uma pedra no campo e a Polícia não identificou o autor. Após o fato não ter sido solucionado, o Sport resolveu modificar a equipe: saiu Wesley e entrou Osvaldo. Depois, entrou Thalysson e saiu Anselmo. Com muita insistência o time do técnico Luxemburgo conseguiu um pênalti, porém o árbitro mudou a decisão dois minutos depois, quando Mena deu um bico, a bola bateu em Anderson Martins e a arbitragem considerou pênalti.  Depois desse tumulto todo os dois times fizeram as suas alterações. No Vasco: saiu Yago Pikachu e entrou Guilherme Costa. Já no Sport saiu Rogério e entrou Lenis. O time de São Januário perdeu outra chance de ampliar o resultado. Aos 32 minutos, Andrey chutou na pequena área e o goleiro defendeu. A equipe vascaína usou a última alteração: saiu Madson e entrou Bruno Paulista.  Com bastante persistência o Sport conseguiu igualar o placar. Aos 39 minutos, André, de cabeça, estufou a rede do goleiro Martín Silva, após o cruzamento de Raul. Com a partida igualada, o Gigante tentou ampliar o marcador. Não deu.

O próximo jogo do Vasco será contra a Chapecoense, pela vigésima sexta rodada do Brasileirão, em São Januário, sábado, 30 de setembro, às 16 horas (horário de Brasília).

mm

Repórter: Pedro Serpa

Jornalista

mm

pedro-serpa

Jornalista

Leave a Comment